Como a gente faz

Conheça as etapas da nossa metodologia e entenda o nosso processo de trabalho.

A GENTE HABITA
{ coexiste, peregrina, investiga }

Transferir-se para o lugar do outro. Dentro da nossa metodologia, o primeiro passo para buscar entendimento sobre qualquer questão é o entendimento do universo que permeia a questão. É nessa etapa que começa nosso fluxo de criação coletiva.

A GENTE PROVOCA
{ caos, troca }

Perguntar, tocar, instigar, reconectar-se com memórias. Partir da conexão com as histórias do lugar é ponto central para provocar o olhar. Aqui brotam revelações sobre conhecimentos ancestrais, escondidos na memória do cotidiano. Um fluxo potente e desordenado de Inspiração.

A GENTE DESPERTA
{ vê, enxerga }

Quando o coletivo se conecta e se enxerga como um grupo, um organismo único, as diferentes perspectivas se somam para formar um só entendimento. O todo assume o comando do processo criativo e as pessoas envolvidas trazem seus conhecimentos intuitivos para o momento de construção de uma nova realidade. Unicidade. Revelação.

A GENTE REVELA
{ epifania }

A mágica do entendimento. Quando a descoberta do processo criativo nos leva a enxergar o que estava esquecido na memória de quem somos. O momento em que as mãos habilidosas do artesão percebem que carregam consigo um aprendizado ancestral. E nasce a necessidade de manter vivo esse conhecimento.

A GENTE COMUNICA
{ potencializa }

Contar a história do conhecimento intuitivo que dá formas ao objeto pelas mãos do artesão, pelas mãos da humanidade. Um produto nos dá a liberdade de contar essas histórias com um alcance muito maior e potente. O produto nos ajuda a levar ao público a nova percepção que surge quando nos colocamos no lugar do outro.

A GENTE LIBERTA
{ humaniza }

Design a serviço das pessoas. O que antes era visto como uma atividade banal ganha a importância que merece ter. O mais simples objeto carrega consigo a tradição e o conhecimento de uma comunidade. Por isso é que pessoas reconectadas com suas histórias sentem orgulho do aprendizado de seus ancestrais, e percebem valor na cultura de seu povo.

A GENTE TRANSFORMA.

Dúvidas? Dá uma olhada na nossa página de Perguntas Frequentes.